Você está aqui: Página Inicial / Seja Voluntário / Projeto promove avaliações ergonômicas em grupos de servidoras e servidores da Universidade

Projeto promove avaliações ergonômicas em grupos de servidoras e servidores da Universidade

Para promover avaliações ergonômicas no quadro de servidoras e servidores técnico-administrativos e trabalhadoras e trabalhadores que prestam serviços terceirizados, a docente Claudia Aparecida Stefane, do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS), está iniciando um projeto piloto que começará a ser aplicado na Biblioteca Comunitária (BCo) da UFSCar.

O projeto de pós-doutorado articula diferentes unidades ligadas à área da Saúde na Universidade e é desenvolvido por Stefane sob a supervisão da docente do Departamento de Fisioterapia (DFisio) Tatiana de Oliveira Sato, em parceria com as docentes Jaqueline Alcântara M. Silva e Vivian Aline Mininel, do Departamento de Enfermagem (DEnf); a fisioterapeuta da Unidade Saúde-Escola (USE) Karina Rabello da Silva; e a Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (ProGPe).

Para dar início ao ciclo de avaliações, estão na programação uma coleta de dados por meio de questionários online, avaliações ergonômicas dos postos de trabalho e entrevistas, a fim de aprofundar a compreensão das percepções das pessoas em relação ao trabalho.

Para Stefane, o projeto pode resultar em melhorias imediatas, como ajustes simples de posicionamento corporal nos postos de trabalho, e também em medidas em longo prazo, pela orientação às políticas da Instituição para a promoção da qualidade de vida.

"Os resultados das avaliações serão também entregues para a ProGPe, como um diagnóstico das condições das trabalhadoras e dos trabalhadores, o que auxiliará na percepção de como a pessoa se sente no posto de trabalho. Podemos descobrir, por exemplo, que um modelo específico de cadeira não é o mais adequado, e as compras futuras observarão o melhor modelo para aquele ambiente. Além disso, as pessoas participantes terão retorno das avaliações e conhecerão melhor suas condições físicas e de trabalho", explica a docente.

O projeto vai ao encontro das prioridades elencadas no planejamento da área de Saúde e Segurança do Trabalho estabelecido em 2015, e dialoga com o Programa Qualidade de Vida (PQV). Para o Diretor de Segurança no Trabalho da ProGPe, Cezar Augusto Uliana, o projeto une o conhecimento produzido pela Universidade às necessidades das pessoas que trabalham na Instituição. "A ergonomia faz parte da segurança no trabalho, e temos a oportunidade de aproveitar o conhecimento disponível na Universidade para promover uma iniciativa que beneficia toda a comunidade universitária", pontua. A expectativa é de que o projeto possa futuramente envolver os postos de trabalho dos demais setores da UFSCar.

« Outubro 2018 »
Outubro
DoSeTeQuQuSeSa
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031
Seja voluntário em um projeto de pesquisa!